Esperança nas ruas

" Porque tive fome, e deste-me de comer; tive sede, e deste-me de beber; era estrangeiro, e hospedaste-me; Estava nu, e vestiste-me; adoeci, e visitaste-me; estive na prisão, e foste me ver. Então os justos lhe responderão, dizendo: Senhor, quando te vimos com fome, e te demos de comer? Ou com sede, e te demos de beber? E quando te vimos estrangeiro, e te hospedamos? Ou nu, e te vestimos? E quando te vimos enfermo, ou na prisão, e fomos ver-te? E, respondendo o Rei, lhes dirá: Em verdade vos digo que quando o fizeste a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizeste."

                                                            Mateus 25:35-40.

"Dar comida a quem não tem, é necessário, mas para nós, o mais importante é dar uma palavra de ânimo, coragem e esperança."                                   Gonçalo e Elisabete Câmara